Facebook

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Especial 40 Anos Revista Playboy | Os Melhores Ensaios - #06 - Ângela Vieira (1999)


Especial 40 Anos Revista Playboy
Os Melhores Ensaios
#06 - Ângela Vieira
Outubro de 1999

Quem diria que um ensaio com uma mulher de 47 anos de idade não poderia causar uma aclamação dos leitores e dos fãs da Playboy como foi esse da atriz Ângela Vieira em 1999, aliás, o excelente ano de 1999 que trouxe tantos ensaios históricos e com grandes vendas, mas esse que foi vendido em novembro foi o melhor desse ano e o sexto melhor da história.

A atriz Ângela Vieira desde 1978 já trabalhava na televisão, mas sua beleza começou a ser observada de forma melhor na metade dos anos 90 quando fazia a novela Pátria Minha, mas foi no ano de 1998  quando sua beleza teve um "boom" quando interpretava a delicada e decotada Ava Maria em Meu Bem Querer, mas foi em Terra Nostra em 1999 com o papel de Janete que sua beleza era vista e comparada com jovens atrizes e outras beldades, até as mulheres adoravam ver que em plenos 47 anos de idade Ângela tinha uma beleza natural tão atraente e inspiradora.

 

Foi então que no mesmo em que Ângela fazia a novela Terra Nostra em 1999 que a Playboy teve uma grande ideia de realizar não um simples ensaio, mas uma produção artística capaz de encantar a todas as pessoas possíveis que pudessem imaginar.

Para este ensaio foi chamado para fotografar Bob Wolfenson que tem seu nome cravado na história da Playboy, o local escolhido foi em Siena, região da Toscana na Itália e era até um propósito por conta do seu papel na novela que contava com personagens e cenários lembrando o país de onde ela escolheu realizar as fotos. E lá se foram três dias com direito a muitos cliques em locais simbólicos e esculturais no país que guarda-os como uma arte e parece que só faltava nossa estrela, nossa Ângela para abrilhantar essa região escolhida.

Um mistura de arte, ousadia, beleza natural, beleza escultural e algo acima do padrão da Playboy, a nossa estrela Ângela Vieira causou uma das maiores surpresas da história da revista, deixando muitos fãs, leitores e a crítica de queixo caído. A única marca que pesou de forma negativa nessa edição foi o número de vendas, pois a Playboy vinha num ritmo frenético de vendas e ao chegar em Ângela chegou ao número de 440 mil exemplares, porém é um bom número de qualquer maneira.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...